Saiba mais sobre o trava-quedas e o talabarte: equipamentos essenciais na segurança do trabalho em altura

10 out
2022

Quando é preciso executar trabalhos em altura, dois itens de segurança são essenciais: o trava-quedas e o talabarte. Esses dois equipamentos aumentam a segurança, e claro a produtividade, de um trabalho executado em altura.

Ao falar de segurança, esses dois itens têm a função de evitar queda durante um trabalho em altura. Contudo, eles têm mais funções que apenas evitar quedas.

Para você entender mais sobre esses dois equipamentos, preparamos esse post com as diferenças entre os dois e qual sua utilidade no dia a dia. Vamos lá?

 

Qual a utilidade de um trava-quedas e um talabarte?

O talabarte e o trava-quedas são dispositivos essenciais para garantir a segurança no trabalho em altura e evitar quedas. Mas cada um tem utilidades diferentes para situações diversas.

Mas você sabe o que é cada um desses equipamentos?

 

Talabarte

Esse equipamento consiste em uma ligação entre o cinto de segurança e o ponto de ancoragem, assim o trabalhador permanece conectado a uma estrutura segura.

De forma simples, o talabarte é como uma linha que amarra o trabalhador evitando que ocorra quedas. Existem alguns tipos de talabarte, como o simples, de posicionamento e o em Y, que tem a função específica de proteção contra quedas.

Nesse modelo de talabarte, uma das pontas é conectada ao cinto e duas pontas à horizontal, ou estrutura onde o trabalho está sendo executado. Por ter duas pontas que se conectam a estrutura, é possível se movimentar entre os pontos não conectados diretamente.

Outro ponto importante a ser destacado é que todo talabarte para retenção de queda precisa conter um sistema de ABS, segundo normas técnicas. Dessa forma, dependendo da altura da queda, o ABS pode ser ativado e os impactos da queda são drasticamente reduzidos.

O sistema de absorção de energia reduz bruscamente a força do impacto que afeta o profissional, aumentando a segurança e reduzindo riscos de lesões. Esse é o tipo mais indicado de talabarte para retenção de queda, por transferir a menor força de impacto possível para o profissional, além de garantir segurança e impedir a queda.

 

Trava-quedas

Outro equipamento de segurança fundamental é o trava-queda. Esse dispositivo consiste em um mecanismo com um acionamento automático ao sofrer impacto, impedindo queda do profissional ou sua movimentação. Desta forma o profissional se mantém seguro.

Como o talabarte, o trava-quedas possui dois modelos. O primeiro modelo, chamado de deslizante, sempre vai acoplado a uma linha de vida, permitindo o trabalho em andaimes, escadas tipo marinheiro, entre outros tipos de plataformas para trabalho em altura.

Já o segundo modelo de trava-quedas é do tipo retrátil e tem indicação para movimentação vertical ou horizontal. Isso se deve ao sistema que permite o aumento e redução da ligação entre o ponto de ancoragem e o cinto de segurança.

 

Trava-quedas e talabarte não possuem CA

Em 2015 as regras para realizações de testes para garantias de equipamentos de segurança foram alteradas. Com essas alterações, foi alterada a classificação do talabarte e do trava-quedas.

Essa mudança consiste em não considerar mais o trava-quedas e o talabarte como equipamentos de proteção individuais quando vendidos separados do cinto de segurança.

Desta forma não são obrigados a possuírem o CA (Certificado de Aprovação).

Na alteração, o cinto de segurança, talabarte e/ou trava-quedas devem ser enviados juntos para os testes de segurança, conforme NR 35, e somente podem receber o CA quando utilizados juntos. Essa mudança se deu para impedir o uso de equipamentos incompatíveis e que podem reduzir a segurança do profissional.

Assim, é normal encontrar trava-quedas e talabartes sem CA, já que quando vendidos separados do cinto de segurança não são classificados como EPI.

 

Devo fazer consulta ao CA?

Apesar do trava-quedas e talabarte não precisarem de CA, o cinto de segurança deve possuir e o profissional só deve utilizar EPIs devidamente aprovados com CA.

Faça a consulta para garantir que o conjunto de cinto, talabarte e trava-quedas esteja devidamente registrado e autorizado, para prevenir processos e multas por descumprimento de lei e resoluções do Ministério do Trabalho.

Precisando adquirir equipamentos de proteção para trabalhos em altura? Entre em contato com a Corsul e conheça as nossas opções.

Continue acompanhando o blog da Corsul e não esqueça de seguir nossas redes sociais para não perder nenhuma novidade. Estamos no Facebook, Instagram, LinkedIn e Youtube.

Corsul – O que fazemos envolve você

Você está sendo redirecionado para o novo site do grupo Corsul!

Dalberti, uma empresa do grupo Corsul

Corsul - o que fazemos envolve você
Dalberti, uma empresa do grupo Corsul

Deixe seu e-mail e receba novidades e lançamentos do mercado

Deixe seu e-mail e receba novidades
e lançamentos do mercado

Enviaremos um e-mail para você, confirmando o seu cadastro.

Newsletter Popup
Aceite
Corsul - o que fazemos envolve você
Precisa de ajuda?